Novidades

Encerramento Programa Crescer

Estamos encerrando mais um ano de Programa Crescer; mais um ano que se finda e com ele, muitas lembranças, muitas histórias para contar e aprendizados para se levar. Terminamos este ciclo com o sentimento de dever cumprido. Conseguimos passar muitos ensinamentos, conselhos e experiências para vocês com nossa dedicação e carinho. Ao longo do ano fomos conhecendo melhor cada um de vocês, nossa relação foi alimentada diariamente e o sentimento de carinho cresceu cada dia mais. Apesar de ser um momento triste de despedidas, os sentimentos de felicidade e orgulho são muito maiores, é muito gratificante vê-los crescendo e amadurecendo ao longo desse período. Custamos a dizer adeus, sobretudo porque existe uma empatia tão grande e um apego por esses alunos. Que agora vocês aproveitem o descanso, afinal, vocês se dedicaram muito e merecem uma folga. Espero que possamos nos ver ano que vem; para aqueles que já não voltam, desejamos muita luz, sabedoria e alegria. Vamos levar todos no coração e desejamos que alcancem o maior sucesso e que consigam concretizar todos os sonhos nessa próxima etapa de suas vidas. Agradecemos a todos os envolvidos nesse projeto maravilhoso, e agradecemos também aos pais dos alunos, que nos confiaram os seus filhos, para cuidar, zelar, ensinar, e por que não dizer: aprender. Os alunos Marcos Belleti e João Vitor Rocha, que deixam o program esse ano, deram seu depoimento sobre o programa e o que vão levar de aprendizado para a vida: "Foi onde eu obtive várias experiencias,  aprendi muito e de maneira produtiva, além de desenvolver minha capacidade de trabalhar em equipe. De aprendizado eu vou levar muita sabedoria que adquiri durante esses anos que participei, muito amor - que é o que eles ensinam - e o carinho pelo projeto." Marcos Belleti. "Foi muito bom ter a oportunidade de crescer participando do programa, pude fazer diversos amigos e me ensinaram muitas lições, como empatia e respeitar o próximo. Vou levar do programa muito amor, as lembranças alegres que construí e as amizades, que me ajudaram a transformar na pessoa que sou hoje" João Vitor Rocha. Confira as fotos da confraternização de encerramento das aulas:       (Texto - Maria Vitória Baltazar).  
12 de Dezembro de 2019
Ler Mais

A Importância da Leitura na Infância

O desenvolvimento do hábito da leitura numa criança não é nada fácil! Será?! Na verdade, essa afirmação só é verdadeira quando a criança tem uma experiência negativa com a leitura. Quando ela se vê obrigada a ler ou quando os livros aos quais ela teve contato não eram para sua faixa etária (podendo ser muito infantis ou muito maduros para seu entendimento). Tornar a leitura um hábito para as crianças é apenas algo que precisa ser trabalhado, nas escolas, mas principalmente em casa, cultive esse hábito no dia a dia, leia para ela antes de dormir, incentive-a a manusear as obras e a entender que aquele pedaço de papel pode ser o combustível para momentos muito divertidos ao seu lado. Mas é importante saber indicar os livros certos para cada faixa etária; bons livros, com textos e imagens de qualidade. Deixar que a criança conheça o livro também é essencial, permitir que ela olhe, analise, folheie, sinta as páginas e aprecie as imagens do livro torna o vínculo ainda mais especial. É muito importante apresentar além de livros com ensinamentos morais e de bons costumes, livros de literatura, com histórias divertidas que entretenham e criem uma interação entre o livro e o pequeno leitor.   A leitura na educação infantil é um importante hábito a ser desenvolvido, porque gera grandes benefícios no desenvolvimento do indivíduo. A leitura: eleva, transporta, informa, educa, emociona. Ela melhora o funcionamento do cérebro, contribui para a construção do senso crítico e permite uma viagem ao mundo sem que o leitor saia do lugar. Possibilita a geração de novos conhecimentos acerca do mundo, das pessoas e até de nós mesmos. Por essas e outras razões, acaba ampliando as referências do leitor, modulando sua maneira de pensar e agir, além de aprimorar seu raciocínio. As crianças que leem livros conseguem se sentir afetadas (positiva ou negativamente) com as histórias. Por essa razão, os livros são tidos como instrumentos relevantes para liberar a emoção. Por meio da leitura, as crianças desenvolvem diversas habilidades como: diferentes tipos de linguagens, aumento do vocabulário, imaginação, criatividade e também adquirem bagagem cultural. Além disso, quando as crianças desenvolvem o hábito da leitura, elas começam a ter comportamento de leitores, construindo opiniões sobre os temas lidos, compartilhando conhecimentos aprendidos nos livros, aprimoram seu senso crítico e a oralidade. O Programa Crescer vem desenvolvendo esse hábito nas crianças, e está aberta para receber doações de livros! Faça como nossa sócia Ana Lúcia da Luz Baungarten, que fez uma doação de diversos livros para o Programa nessa semana (30/09), demonstrando o carinho e o cuidado com nossas próximas gerações.  (Aluna do PCP, Ester Pavão de 7 anos)  
30 de Setembro de 2019
Ler Mais

Semana ODS - Objetivos de Desenvolvimento Sustentável

Entre os dias 25 e 27 de setembro, mais de 150 líderes mundiais estarão na sede da ONU, em Nova York, para adotar formalmente uma nova agenda de desenvolvimento sustentável. Essa agenda abrange 17 objetivos que devem ser implantados pelos países do mundo até 2030. Conheça os objetivos desse processo: 1 -  ERRADICAÇÃO DA POBREZA: Acabar com a pobreza em todas as suas formas, em todos os lugares; 2 – FOME ZERO: Acabar com a fome, alcançar a segurança alimentar e melhoria da nutrição e promover a agricultura sustentável; 3 – BOA SAÚDE E BEM ESTAR: Assegurar uma vida saudável e promover o bem-estar para todos, em todas as idades; 4- EDUCAÇÃO DE QUALIDADE: Assegurar a educação inclusiva, equitativa e de qualidade, e promover oportunidades de aprendizagem ao longo da vida para todos; 5 – IGUALDADE DE GENERO: Alcançar a igualdade de gênero e empoderar todas as mulheres e meninas; 6 – ÁGUA LIMPA E SANEAMENTO: Assegurar a disponibilidade e gestão sustentável da água e saneamento para todos; 7 – ENERGIA ACESSÍVEL E LIMPA: Assegurar o acesso confiável, sustentável, moderno e a preço acessível à energia para todos 8 – EMPREGO DIGNO E CRESCIMENTO ECONOMICO: Promover o crescimento econômico sustentado, inclusivo e sustentável, emprego pleno e produtivo e trabalho decente para todos; 9 – INDÚSTRIA, INOVAÇÃO E INFRAESTRUTURA: Construir infraestruturas resilientes, promover a industrialização inclusiva e sustentável e fomentar a inovação; 10 – REDUÇÃO DAS DESIGUALDADES: Reduzir a desigualdade dentro dos países e entre eles 11 – CIDADES E COMUNIDADES SUSTENTÁVEIS: Tornar as cidades e os assentamentos humanos inclusivos, seguros, resilientes e sustentáveis; 12 – CONSUMO E PRODUÇÃO RESPONSÁVEIS: Assegurar padrões de produção e de consumo sustentáveis; 13 – COMBATE AS ALTERAÇÕES CLIMÁTICAS: Tomar medidas urgentes para combater a mudança climática e seus impactos; 14 – VIDA DEBAIXO D’ÁGUA: Conservação e uso sustentável dos oceanos, dos mares e dos recursos marinhos para o desenvolvimento sustentável; 15 – VIDA SOBRE A TERRA: Proteger, recuperar e promover o uso sustentável dos ecossistemas terrestres, gerir de forma sustentável as florestas, combater a desertificação, deter e reverter a degradação da terra e deter a perda de biodiversidade; 16 – PAZ, JUSTIÇA E INSTITUIÇÕES FORTES: Promover sociedades pacíficas e inclusivas para o desenvolvimento sustentável, proporcionar o acesso à justiça para todos e construir instituições eficazes, responsáveis e inclusivas em todos os níveis; 17 – PARCEIRIAS EM PROL DAS METAS: Fortalecer os meios de implementação e revitalizar a parceria global para o desenvolvimento sustentável; As crianças do Programa Crescer Portobello trabalharam em cima do ODS 12 ( Consumo e Produção Sustentáveis), ODS 14 e  ODS15 (Educação Ambiental). Nesse primeiro semestre foram realizados passeios ao SAMAE e palestras sobre meio ambiente e reciclagem, tudo em torno dos temas. (Passeio à SAMAE) (Palestra com Victor biológo e educador ambiental) (Visita a Wanat, para conhecer o processo de reciclagem) Eles também desenvolveram maquetes e brinquedos com matérias recicláveis e participaram de uma campanha solidárias com tampinhas de garrafas pet, lembrando mais uma vez da importância do consumo sustentável. (Maquetes desenvolvidas pelos alunos do projeto, com material reciclável) (Campanha solidária com tampinhas) Além de todos esses trabalhos realizados, nessa semana as crianças concluiram o aprendizado com uma exposição de seus trabalhos, fotos e relatórios de tudo que foi aprendido durante esse semestre. Confira:   
25 de Setembro de 2019
Ler Mais

Contato

Rua José Manoel Reis, 25, Tijucas - SC
(48) 3263 0864
bete@adec.com.br
De Segunda a Sexta das 08:00h às 11h45 e da 13h00 às 17:00h
Sábados, Domingos e Feriados fechado

Últimas Novidades

Copa Ne-Wasa - Depoimento do Professor de Judô

ADEC 1997... Hoje realizamos um túnel do tempo especial. Voltamos a 1997, na copa Ne-Wasa e conversamos com o Professor de Judô “Cocada”, sobre a época dos campeonatos de Judo na ADEC. Confira o depoimento dele: “Que bom esse seu contato, pois me remete aos memoráveis momentos que compartilhei com os amigos da ADEC, inicialmente com o Prof. Zago, que me oportunizou esse vínculo, e depois com a extraordinária convivência que tive com o Carlinhos... chefe, parceiro e companheiro das grandes jornadas me proporcionadas pelo ambiente Portobello. Vale lembrar, também, das demais pessoas que me auxilaram, a exemplo da Bete, braço de equilíbrio das nossas ações. Dito isso, Ne-Waza significa "luta de (ou no) chão", onde são desenvolvidas as técnicas de controle (imobilizações, estrangulamentos e chaves de articulação) que fazem parte do Judô. A Copa Ne-Waza da ADEC foi criada justamente para contemplar aqueles judocas que se empenhavam mais nesse quesito da modalidade, possibilitando a participação, também, de lutadores de Jiu-Jitsu, cuja prática é mais voltada à essa linha técnica. Enfim, surgia uma competição ímpar, inédita e de abrangência estadual... adotada imediatamente pela Federação Catarinense de Judô e incluída no seu calendário oficial. Mesmo diante do sucesso obtido, o evento limitou-se a três edições (se eu não me engano), pois em razão de estar incluído no Calendário Oficial da FCJ, caberia ser realizado em outros locais, porém ninguém se habilitou, talvez até por falta de estrutura para esse tipo de evento... até então, digamos, "sui generis" no nosso meio judoístico. Vez ou outra me deparo com alguém perguntando "cadê a Copa Ne-Waza da ADEC?"... e eu respondo: "Saudades, cara".”   Nós, da equipe ADEC, agradecemos o carinho e temos o prazer de recordar lembranças tão maravilhosas quanto essa.  
23/10/2020

Outubro Rosa 2020

Iniciamos o mês de outubro e com ele uma das campanhas mais importantes do ano, o “Outubro Rosa”. A campanha acontece durante todo o mês de outubro e é realizada no mundo todo. Seu propósito é alertar sobre o diagnóstico precoce do câncer de mama, visando informar a população sobre as formas de prevenção, ressaltando também a importância de olhar com atenção para a saúde e de lutar por direitos: como o atendimento médico e o suporte emocional para mulheres com a doença. Esse ano, por conta da pandemia do corona vírus, as ações realizadas pelas empresas tiveram que ganhar metodologias diferentes, porém não devemos esquecer da importância da campanha. A estimativa para este ano é de 66.280 novos casos só no Brasil (fonte G1). Uma forma de ajudar na divulgação da campanha e que todos podem contribuir são: AS REDES SOCIAIS. Use suas contas online para ajudar nas divulgações de informações, fique atenta aos sinais e sintomas e realize o auto exame.   SINAIS E SINTOMAS Caroço (nódulo) endurecido e geralmente indolor; Alteração do bico do peito; Pequenos nódulos na região embaixo dos braços (axilas) ou no pescoço; Pele da mama avermelhada, retraída ou parecida com uma casca de laranja; Saída espontânea de líquido de um dos mamilos. AUTOEXAME Grande parte dos casos de cânceres de mama são descobertos com o autoexame. Saiba como realiza-lo: Em pé, em frente ao espelho, observe o bico dos seios, a superfície e o contorno das mamas. Ainda nessa posição, levante os braços na lateral e perceba se com o movimento aparecem alterações no contorno ou na superfície das mamas. Deitada com a barriga para cima eleve o braço esquerdo e posicione paralelo a cabeça. Com a mão direita, apalpe o seio esquerdo fazendo movimentos circulares suaves, apertando-o levemente com a ponta dos dedos Repita os mesmos movimentos do outro lado; Ao notar qualquer anormalidade consulte imediatamente seu médico. O autoexame NÃO SUBSTITUI A MAMOGRAFIA. A mamografia é imprescindível, sendo o principal método para o rastreamento da doença. Mulheres acima de 40 anos, devem realizar o exame de "Mamografia" anualmente. Diagnosticar o câncer precocemente aumenta significantemente as chances de cura. Em 95% dos casos identificados ainda em estágio inicial existe possibilidade de cura.
07/10/2020

Preencha todos os campos obrigatórios.

No momento não conseguimos enviar seu e-mail, você pode mandar mensagem diretamente para bete@adec.com.br.

Contato enviado com sucesso, em breve retornamos.

Top